Locadoras baianas contam com a revitalização do turismo

por Rogéria Vianna de Alencar

Rogeria-viana

Com a perspectiva da inauguração do novo centro de convenções de Salvador, somada ao novo aeroporto da capital baiana, o trade turístico da Bahia faz planos para voltar a crescer. Entre as locadoras de veículos, a expectativa é que o cenário favoreça a inclusão no mercado de mais empresas dedicadas ao turismo de lazer.
De acordo com Rogéria Vianna de Alencar, diretora regional da ABLA/BA – Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis, recente pesquisa revelou que há quase duas mil empresas com registro na Bahia para atuarem com aluguel de veículos, mas apenas uma fração desse total é associada à entidade ou ao SINDLOC/BA.
“A Bahia possui um potencial enorme para ampliação da atividade de locação, não apenas na capital, mas em polos como Porto Seguro e Vitoria da Conquista”, avalia. “Acreditamos que, com a revitalização do turismo no estado, o mercado de locação poderá se expandir e demandar qualificação principalmente para as pequenas empresas”.
Na Bahia, a ABLA se movimenta com parcerias para trazer mais negócios para o setor, como o convênio com a ABAV baiana para priorizar as locadoras do estado, e também investe em qualificação profissional ao trazer para a Bahia os cursos da UNIABLA, a universidade corporativa do setor de locação de veículos.
“A agenda de eventos da associação na Bahia está muito movimentada”, confirma Rogéria. “Isso também é sinal de que uma retomada nos negócios está em andamento”. As perspectivas para 2020 são favoráveis e “entre outras ações, o trabalho de divulgação nos meios de comunicação de rádio e TV também é forte, assim como ações junto aos canais publicitários e ao trade turístico”, completa a diretora regional.