Notícias

ABLA comemora 40 anos com as novas estatísticas do setor

ABLA comemora 40 anos com as novas estatísticas do setor

por ABLA NOTICIAS

Locadoras foram responsáveis por 10,95% das aquisições de automóveis e comerciais leves do mercado automotivo em 2016 

 

A Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis (ABLA) completou, em março de 2017, 40 anos de atividades no Brasil. Para marcar a data, a associação reuniu montadoras, bancos, fornecedores de produtos, de serviços e entidades de classe automotivas e do turismo nacional, para apresentar durante um jantar as estatísticas do setor de locação em 2016.

 

Todos os números sobre a frota foram apurados em parceria com o SERPRO (Serviço Federal de Processamento de Dados), maior empresa pública de tecnologia da informação do mundo.

 

A apresentação dos resultados ocorreu no evento de 40 anos da ABLA, junto à entrega de placas comemorativas e históricas a todos os ex-presidentes da associação. “Alinhada à responsabilidade administrativa, desta vez optou-se por aproveitar a oportunidade específica dos 40 anos para um evento mais focado para o mercado”, diz Paulo Nemer, Presidente do Conselho Nacional. “Foi uma oportunidade de também trabalharmos para ampliar a representatividade do nosso setor junto a montadoras, bancos, fornecedores de produtos, de serviços e entidades de classe”.

 

Para receber esses importantes parceiros do setor, especificamente nesse jantar dos 40 anos foram convidados os conselheiros, os diretores regionais e os ex-presidentes da ABLA, inclusive para manter os esforços que estão sendo feitos para administrar os recursos da associação, exatamente durante os mais complicados anos da economia nacional.

 

Na apresentação das estatísticas, o diretor comercial da ABLA, Jorge Pontual, mostrou que praticamente um a cada 11 automóveis e comerciais leves emplacados em 2016 foi  destinado para empresas de locação. O faturamento com a locação desses tipos de veículos atingiu R$ 12,1 bilhões no ano passado. A frota total de automóveis e comerciais leves ficou com a idade média de 20,7 meses e chegou a 660.277 veículos (aí incluindo automóveis, comerciais leves e também ônibus, micro-ônibus, caminhões e motos).

 

Conforme Paulo Nemer, os novos números fazem parte do mais fiel retrato do setor de locação de veículos já produzido. “Incluímos também a apresentação mais detalhada da participação de cada montadora na frota do setor”, diz Nemer. “Agora, além da participação de cada uma nas compras feitas pelas locadoras em 2016, passamos a mostrar também a participação de cada montadora na atual frota total do nosso setor”.

 

O total de emplacamentos feitos em 2016 pelas locadoras atingiu 230.285 veículos, entre automóveis, comerciais leves, ônibus, micro-ônibus, motocicletas e caminhões. E a frota total, somando esses emplacamentos do ano aos seminovos que permaneceram na frota, chegou a 660.277 veículos.

 

Fiat/Chrysler (24,23%), Volkswagen (19,23%), General Motors (15,03%), Renault (13,5%) e Ford (11,13%) são as montadoras que possuem maior participação na frota de 660.277 veículos das empresas locadoras. Os modelos econômicos representam 44,99%, seguidos de compactos (22,62%) e executivos (6,37%). Os utilitários e vans já representam quase 20% do total (19,63%).

 

Dos  217.848 automóveis e comerciais leves emplacados pelas locadoras em 2016, a Fiat/Chrysler foi responsável por 19,96%, seguida pela GM (16,8%), Renault (16,13%), Ford (13,31%), Hyundai (11,89%) e Volkswagen (9,57%), que são as marcas que mais venderam automóveis e comerciais leves para o setor em 2016.

 

Entre ônibus e caminhões emplacados no ano passado, a participação da locação de veículos atingiu  16,14% em 2016. Segundo o Anuário do setor, 9.963 veículos do gênero foram adquiridos pelas locadoras, de um total de 61.720 unidades comercializadas no ano pelas montadoras. Mercedes-Benz (25,86%) e Volkswagen (19,34%) foram aquelas que mais venderam para locadoras  neste segmento.

 

A terceirização de frotas (45%) teve a maior participação no faturamento de R$ 12,1 bilhões do setor, seguida pelo  turismo de lazer (25%) e o de negócios (17%). Outros serviços (13%) complementam o faturamento em 2016.

 

Locadoras ativas no Brasil

 

O Anuário Brasileiro do Setor de Locação de Veículos também levantou a quantidade de empresas enquadradas específica e exclusivamente nas seguintes Classificações Nacionais de Atividades Econômicas (CNAE):

 

CNAE primário CNAE secundário
7711-0/00 NENHUM
4923-0/02 NENHUM
7711-0/00 4923-0/02
4923-0/02 7711-0/00

 

7711-0/00 (LOCAÇÃO DE AUTOMÓVEIS SEM MOTORISTA)

4923-0/02 (LOCAÇÃO DE AUTOMÓVEIS COM MOTORISTA)

 

Nessas condições, foram identificadas 11.199 empresas de locação de veículos com CNPJ ativo na Receita Federal, com frota de pelo menos um veículo registrado em sua propriedade nos órgãos competentes de Trânsito. Das 11.199 empresas de locação ativas, o SERPRO identificou que 3.150 (28,1%) são locadoras com frota ativa superior a 09 (nove) veículos, enquanto 8.049 locadoras (71,9%) possuem frota ativa entre 01 (um) e até 09 (nove) veículos.